Novo

Doxitrat 200mg Antibacteriano P/cães E Gatos 24 Cp

Precio anterior: 67 reales con 87 centavos
64 reales con 47 centavos5% OFF

em 12x 6 reales con 25 centavos

Chegará hoje com Mercado Envios

Chegará amanhã com Mercado Envios

Somente para SP capital e regiões da Grande SP, Rio de Janeiro e Curitiba

Comprando dentro da próxima 1 h 51 min

Benefício Mercado Pontos

Retire a partir de amanhã em uma agência Mercado Livre

Comprando dentro da próxima 1 h 51 min

Benefício Mercado Pontos

Ver no mapa

Estoque disponível

Garantia

Garantia da loja

Garantia de fábrica: 30 dias

Características principais

MarcaAgener União
LinhaAntibacteriano
ModeloDoxitrat 200mg
Formato do suplementoComprimido
SaborNenhum
Unidades por embalagem24
Unidades por kit1
Formato de vendaUnidade
Volume líquido1 cc
Peso líquido40 g

Outros

  • Funções do suplemento: Antibiotico

  • Ingrediente principal: Antibiotico

  • Animais recomendados: Cachorros/Gatos

  • É adequado para filhotes: Não

Descrição

A nossa empresa foi criada com a missão de ser uma Loja Virtual diferente. Com a missão de levar a você, consumidor, uma experiência de total satisfação. Seja pelo prazer de visitar nossos anúncios, pelo atendimento on-line, pelo preço justo, pelo prazo de entrega e, sobretudo, pela qualidade de nossos produtos. Aqui você sempre vai encontrar produtos novos, originais e com garantia total do fabricante e vendidos com nota fiscal.
. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

Validade: Setembro de 2023

Indicações:
DOXITRAT é indicado para o tratamento de diversas
enfermidades que acometem cães e gatos, causadas por agentes
etiológicos sensíveis à doxiciclina tais como:
• Erliquiose canina provocada por Ehrlichia canis.
• Febre maculosa (“Rocky Mountain Spotted Fever”) provocada
por Rickettsia rickettsii.
• Babesiose canina provocada por Babesia canis.
• Bartonelose provocada por Bartonella spp.
• Borreliose provocada por Borrelia burgdorferi.
• Hemobartonelose provocada por Haemobartonella felis.
• Infecções causadas por Chlamydia spp.
• Infecções respiratórias tais como pneumonia e broncopneumonia
provocadas por Bordetella bronchiseptica, Streptococcus spp.,
Staphylococcus spp., Pasteurella spp., Haemophilus influenzae,
Mycoplasma spp. e Escherichia coli.
• Infecções genitourinárias, tais como metrites e cistites, provocadas
por cepas sensíveis de Klebsiella spp., Escherichia coli, Staphylococcus spp., Streptococcus spp., Enterococcus spp., Leptospira
spp. e Brucella canis.
• Infecções intestinais provocadas por cepas susceptíveis de Shiguella spp., Salmonella spp. e Escherichia coli.
• Infecções articulares, tais como artrites, provocadas por Streptococcus spp., Staphylococcus spp. e Corynebacterium spp. • Infecções dermatológicas, feridas infectadas, pós- operatório e otites provocadas por Staphylococcus aureus, Streptococcus spp., Corynebacterium spp., Escherichia coli e Pasteurella multocida. • Infecções causadas pelos seguintes protozoários: Entamo- eba spp., Balantidium coli, Isospora spp., Toxoplasma spp.

Fórmula:
Cada comprimido contém:
Hiclato de doxiciclina ............................................... 92,320 mg*
(*equivalente a 80 mg de Doxiciclina base).
Palatabilizante .............................................................. 0,520 mg
Excipiente................................. q.s.p ............................ 208 mg

Propriedades:
A doxiciclina é um antimicrobiano da família das tetraciclinas,
de amplo espectro de ação. Apresenta rápida e elevada taxa de
absorção oral e persistentes níveis sangüíneos, devido à sua fixação
às proteínas plasmáticas. A doxiciclina é bastante lipossolúvel, o
que permite maior penetração através da membrana plasmática
e excelente distribuição nos tecidos, inclusive no SNC e no meio
intracelular. Ocorre biotransformação parcial no fígado. Ao contrário das outras tetraciclinas, a doxiciclina é eliminada em grande
parte por excreção intestinal sob forma inativa, não propiciando
o desenvolvimento de infecções oportunistas no uso prolongado.
A droga não sofre acúmulo em pacientes com doenças renais, já
que é apenas parcialmente eliminada pelos rins. É eficaz contra bactérias gram-positivas, gram-negativas, leptospiras, Rickettsia, Chlamydia, Mycoplasma, Actinomyces, Brucella
e alguns protozoários.

Contraindicações:
A doxiciclina é contraindicada em casos de conhecida hipersensibilidade às tetraciclinas, em cadelas e gatas gestantes e lactantes, bem como em pacientes portadores de hepatopatias graves. O uso das tetraciclinas durante o desenvolvimento da dentição (das últimas 2 a 3 semanas de prenhez até o primeiro mês de vida do filhote) poderá causar descoloração dos dentes.

Precauções:
Como acontece com outras tetraciclinas, o uso da doxici- clina pode gerar um complexo estável de cálcio nos tecidos osteogênicos, embora em menor grau do que ocorre com outros compostos do grupo. A doxiciclina pode produzir reações nefrotóxicas quando utilizada após o vencimento do prazo de validade.

Efeitos colaterais:
Embora raramente, poderão ocorrer reações de hiper- sensibilidade, náuseas, vômitos, anorexia e/ou diarréia. Os efeitos gastrintestinais junto às refeições, sem que a absorção do medicamento seja significativamente afetada. Podem ser minimizados através da administração do produto junto às refeições. Fenômenos de fotossensibilização (pela exposição do animal tratado à luz solar direta ou ultravioleta) poderão eventualmente ocorrer. O tratamento deverá ser interrompido à primeira evidência de eritema, indicando este tipo de reação.